“Hello Stranger” e o novo canto

Olá queridos! Como vão?!

Eu já estou bem melhor! Uau! Acho que o filme romântico me fez bem! Hahah.. Acabei assistindo outro filme, O Lado Bom da Vida. E que filme lindo! Gostei muito! 🙂

Bem, e hoje eu resolvi finalmente ir atrás de outro “tampo” para a mesa pro Michael. Queria ter uma mesa para mim, e outra para ele (porque eu odeio dividir coisas! Hahah! Na verdade, eu adoro deixar todos os meus materiais em cima da mesa, e com ele na mesma mesa eu fico com menos espaço! Hahahah!).

A compra do tampo foi bem dramática porque queríamos economizar ao máximo (e agora eu tenho a certeza de que o barato sai caro, ainda mais quando se é uma designermetidaaeumesmofaçonewbie). Mas o drama da compra eu contro em outra ocasião. Pelo menos a coisa tá funcionando! Hehe..

escritorio1O canto dele..

escritorio2.. e o meu 🙂

Ok, não é a coisa mais linda do mundo, e nem aquela coisa que vai durar para sempre, mas por hora está funcionando (e espero que continue pelos próximos 11 meses!!). O tampo de vidro na verdade era um box de banheiro que estava sobrando na casa da sogra, aí compramos os cavaletes mais baratitos da Tok&Stok, e agora tenho uma super mesa de vidro, ótima e só minha para desenhar! 🙂

Agora tenho um canto, uma mesa, e uma caixa de alfajores (só pra mim!!!) embaixo da mesa! Sem mais desculpas para não desenhar! E aí lembrei que deveria re-re-recomeçar o projeto das 365 cenas. Acho que algo que pode me ajudar a manter o projeto vivo é definir melhor o tema. 

hello stranger

 Natalie Portman no filme Closer

“Hello Stranger”: Desenho uma pessoa desconhecida por dia, e crio uma historinha para ela. Simples, e com um pouco mais de foco, acredito eu. 🙂 Para começar, meu primeiro “desconhecido” do mês, é o Seu Júlio Chocolate. 

01_Seu Julio Chocolate

Seu Júlio, no auge da monotonía de segunda, saiu do conforto das cobertas paraguaias, às 20h47. Calçou as suas galochas de borracha, seu casaco Michelin, e foi ao Walmart comprar uma barra de Shot. Na verdade era só uma desculpa para falar com a Mirian, do caixa rápido 16. Ela perguntou: “Dinheiro ou cartão?”. Ele estendeu a nota com a garça estampada e emendou “Não precisa de sacola”. Ela sorriu e deu boa noite. Ele sorriu em resposta e voltou para a noite fria e monótona. Pelo menos agora estava mais doce.

É isso! Será que o projeto dura dessa vez?

Photo on 2013-07-02 at 01.52 #3

Anitão tá parecendo uma cebola com tantas camadas de roupa..

Comments

comments

Related posts:

Um comentário em ““Hello Stranger” e o novo canto

Deixe uma resposta