Fim de semana em Hong Kong

Olá olá queridos leitores, como vão??

Eu sei, aqui vai mais parado que água com dengue, mas né, tenho um bom motivo para ter sumido: fui pra Hong Kong na sexta de manhã! EE!!

Quem acompanhou o Nullitos talvez lembre que quando eu morei em Beijing eu dividia o apartamento com uma alemã, a Anna, e uma irlandesa, a Ellie. A Anna se mudou pra Shenzhen, no sul da China, do ladinho de HK; e a Ellie estava morando na Austrália, aí aproveitou para dar um pulinho em HK na sua volta pra casa. Ou seja, momento perfeito para nos reunirmos, quase 2 anos depois, na cidade menos chinesa possível.

Já visitei HK várias vezes, mas esta foi de longe a vez mais divertida em que estive por lá, isso que só durou o fim de semana. As fotos seguintes são do sábado.

Eu e a Ellie estávamos com as pernas doendo de tanto andar no dia anterior, estava chovendo, mas ainda sim, queríamos explorar a cidade. A melhor opção foi:

BIG BUS TOUR! Aqui em Shanghai tem a mesma empresa de ônibus, mas ainda sim não tinha experimentado o passeio, pois achava que seria meio sem graça e caro. E estava completamente enganada! O pacote inclui 4 rotas pela cidade (incluindo uma noturna), entrada para a principal atração turística da cidade: o The Peak Tram (mas desistimos de subir, pois estava muito nublado e já tínhamos subido outras vezes); um passeio de barco bacana pelo Typhoon Shelter; passagem de ferry para atravessar a ilha, e o guia em 10 línguas diferentes (esses de fone de ouvido que vai falando curiosidades sobre a cidade).

O lugar mais lindo com certeza é Stanley, um lugar com muito espaço, pessoas extremamente educadas, e legal de se fazer compras (mas as pessoas são tão educadas que nem dá vontade de ficar barganhando heheh..).

Passeio de barco pelo Typhoon Shelter, e as minhas lovely ladies. 

Mistura de prédios de arquitetura ocidental e oriental; shoppings gigantes; e casal super estiloso. 

É incrível como todas as ruas estão sempre em construção. Eles simplesmente não cansam de “preencher os espaços” com mais um novo prédio mais alto da cidade. E isso é uma coisa que me irrita na cidade também, a sensação claustrofóbica causada pelo pé-direito baixo nas estações de metrô, e ruas empacotadas de gente.

Subway de HK: “escolha o seu queijo: americano” – a única opção! hahaha; os mercados de bugiganga à noite. 

Todos os caminhos (especialmente as saídas de metrôs) te levam à um shopping center. É quase impossível resistir à uma volta em HK sem comprar uma tranqueira se quer. (Eu aguentei até o Duty Free do aeroporto, e só comprei chocolates Lindt e Milka hehe..)

E para fechar o sabadão, fomos à um bar estilo irlandês, cheio de coroas rock n’roll, de 40-60 anos, cantando junto com a banda – e o melhor, cantando super bem! Heheh Melhor impossível! =)

Enfim, depois de um tufão e uma longa semana de trabalho em Shanghai, um descanso em HK não poderia vir em melhor hora! 🙂

É isso!

(Anitão vai ficar devendo a legenda de hoje.. )

Comments

comments

Related posts:

4 comentários em “Fim de semana em Hong Kong

Deixe uma resposta