Sobre o meu trabalho em Shanghai

Olá olá! Como vão queridos leitores?

Por aqui vai tudo bem, mas ontem (08/08) foi chuvoso.. e beeem chuvoso por sinal. Aparentemente, um tufão passou por aqui (não o da novela), as ruas estavam alagadas, quase não tinha chineses pelas ruas, e os restaurantes não estavam entregando delivery. Mas não foi nada de mais, ainda consegui ir para o trabalho. =/

Hoje eu acordei com um pouquinho de sol, e as ruas já estão secas. Vai entender, né? Heheh..

E por falar em trabalho, esses tempos uma querida leitora, a Yuna, sugeriu que eu contasse um pouco mais sobre o meu trabalho aqui em Shanghai já que ela está estudando design. Pois bem, como eu gostei da sugestão, e volta e meia aparece alguém comentando que também gostaria de estudar, achei que poderia ser interessante dividir a minha experiência.

O que eu faço, basicamente: gambiarras para que o ar-condicionado não “sopre” na minha cara; bebo muito chá (e passeio pelo escritório); como muitos doces, e de vez em quando frutas, que aparecem na minha mesa (estou até fazendo uma série da mesa do escritório no instagram hahah -> @joanitas)

Ok ok.. falando sério agora (tá, eu nunca falo sério haha..), este é o meu primeiro emprego (não só na área de design, como na vida) e tenho me envolvido com vários projetos diferentes. Acho que como me formei em design de moda e em desenho industrial, acabei me qualificando para essa “área genérica” de design, aí acabo me envolvendo com um pouco de tudo, dentro da indústria da moda.

Quadro de inspirações; pesquisa de materiais; cartela de materiais; sala de reuniões; e o trendbook FW13-14.

Bem, a empresa é basicamente uma malharia, que produz os fios e lãs, a malha em si, e o produto final (a roupa). Fabricamos peças para marcas como: Zara, Mango, H&M, Guess, CK; e temos algumas marcas próprias. (Não estou fazendo propaganda da empresa, hein! Hahah).

O meu trabalho envolve pesquisa de materiais e tendências (basicamente uma compilação de imagens); organização das peças de roupa da sala de reuniões (não é tão simples quanto parece haha); layout para as cartelas de materias, trendbooks, apresentação de ppt, cartazes para as nossas lojas; fotos das amostras para exportação; e coisas “visuais” em geral.

Acho que a parte que eu mais gosto é o visual merchandising. Não fazia a menor ideia de que existia uma equipe que faz croquis de propostas para a decoração da vitrine de uma loja; monta um manual para a disposição das peças de roupas nas araras (a ordem completinha com combinação de cores, peças que vão entrar durante a semana) e os looks dos manequins; e que xinga os designers de marca “x” por fazerem uma coleção com apenas DUAS PARTE DE BAIXO (como você vai vestir os seus manequins durante uma estação inteira com apenas duas parte de baixo?!?!?! Hahahah..) – e pior ainda, não fazia a menor ideia de que eu estaria fazendo essas coisas.

O trabalho com certeza não é monótono. Dificilmente fico fazendo algo chato e repetitivo (como preencher planilhas do excel), e dificilmente estou fazendo um projeto por vez.

Então, para quem tiver interesse em trabalhar na área: a menos que você se mude para China, não é muito fácil encontrar um emprego. Mas ter que lidar com chineses também não é muito fácil.

Bem, para quem tinha curiosidade, acho que deu para ter uma pequena ideia do que eu faço, além de gambiarras, tomar chá e comer doces no escritório. Heheh..

É isso!

Anitão saiu do trabalho as 22h hoje e está zumbi zumbi.

Comments

comments

Related posts:

12 comentários em “Sobre o meu trabalho em Shanghai

  1. Oi, Anita! Descobri seu blog hoje, cheguei aqui através de um post antiguinho da Joana do “Um ano sem Zara”.
    Seu trabalho parece incrível, super hiper mega lindo e cansativo!
    Dei um olhada em vários posts e, normalmente sou uma leitora discreta (nunca comento em blogs, só fico lendo todos os posts de uma vez e me apaixonando por umas coisas aqui e outras ali – no seu caso, seus desenhos são apaixonantes! e a sua animação também), mas dessa vez resolvi me manifestar e te dizer o quanto eu adorei aqui! Já me tornei uma fã e leitora fiel daqui.
    Abraço!

    1. Bem, não é impossível conseguir um emprego na área, mas não é tão fácil quanto na área direito ou medicina (que acho que também não é tão fácil assim hehe).

  2. Oi Anita, Descobri seu blog por acaso e AMEI!! Estarei em Shangai em setembro a trabalho, por 1 semana somente. Estou louca pra bagulhar!! Vc poderia me recomendar onde comprar acessórios de marca (pode ser falsificado!), tipo relógios, bolsas…
    Outra coisa, eh preciso algum tipo de cuidado com a segurança? Obrigada se puder me responder!! Bjinhos, Raquel

    1. Olá Raquel! Que legal que vem para Shanghai, mesmo que a trabalho. Dá pra aproveitar um pouquinho da cidade pelo menos.
      Sobre comprar coisas de marcas, ao longo da Nanjing Lu você encontra quase todas as marcas de luxo.. (Gucci, Prada, e por aí vai), mas os falsificados eu mesma ainda não descobri onde encontrar, mesmo porque não compro muitas coisas de marca.. hehe Mas se eu descobrir, te mando um email! 🙂

      Sobre segurança, você só precisa se preocupar com o trânsito, que é bem caótico. Fora isso, é bem tranquilo.

      Espero ter ajudado, Beijinhos!

  3. Geeeeeess, um dos motivos pelo qual escolhi minha profissão é a facilidade de arrumar emprego, e mesmo assim é bem dificil (sou professora, haha)

    Meu namorado tb é arthisssta, mas ele trabalha com comunicação visual, acho que ainda tem bastante mercado comparado com design de moda :///

    (sua tatuagem é uma belezinha btw, adorei <33)

  4. Adoreei o post Anita!!! brigadao!<3
    Não conhecia sobre visual merchandising! Eu tive uma palestra com um cara que era formado em design e se dizia vitrinista sabe, fazia algo bem parecido com o que você contou mas ele não trabalhava dentro da marca que fazia as roupas. Ele era contratado depois pela loja para montar a vitrine de algumas épocas do ano com as peças que a loja tinham pra vender.

    adoro seus posts! beijo lindaa!

  5. Oie!

    Acabo de descobrir seu blog e me encantar com os seus relatos… parabéns!

    Também sou designer de moda e morei de outubro a dezembro passado em Shanghai. Fiz Mestrado em Gestão de Marcas de Luxo, na IFA Paris, conhece?

    Quero muito voltar a Shanghai, pra morar por pelo menos um ano, e trabalhar como designer de moda feminino, ou até em industria têxtil. Você pode me dizer se existem mtas oportunidades? Conhece alguma empresa interessante que esteja contratando?

    Obrigada pela atenção e mais uma vez parabéns pelo blog!

    Bjos

    Joana

    1. Olá Joana! Tudo bem??
      Mil perdões por demorar a responder..

      Legal que pensa em voltar para Shanghai. Não conheço a IFA, vou dar uma olhada. 🙂

      Acho que lá tem bastante oportunidades sim! Não conheço nenhuma empresa que esteja contratando por enquanto, mas você pode ir dando uma olhada pelos sites de classificados da cidade. Foi assim que encontrei meu emprego: smartshanghai.com

      Se você quiser trabalhar na indústria, talvez você encontre mais coisas no sul da China, em GuangZhou e região, onde estão concentrada boa parte das fábricas.

      Se quiser pegar meu email, adoraria manter contato com você. nitachang@gmail.com

      Beijão!!

      1. Oi Anita!

        Obrigada pela resposta! Já conheço o Smart Shanghai e vou continuar a olhar lá… bom, já tomei nota do seu email e agora também acompanho o seu blog.
        Caso saiba de alguma coisa me avise 😉 Vamos nos falando!
        Bjos

Deixe uma resposta