A Odisséia da vida a dois – dia 64

Lista de compras

A: Precisamos de pratos novos.
M: Por quê? Estes estão ótimos!
A: Mas estão todos riscados! Está ficando preto já! (Os pratos são de plástico e estão com marcas de corte de faca)
M: Fresca..

M: Ihh.. tem uma caneca que está com a alça meio quebrada, olha!
A: Ok, a gente compra outra.
M: Ah.. mas não está tããão ruim, só passar umas fitas..
A: NÃO! A gente compra outra!
M: Fresca..

Ontem de manhã, depois de pular como uns doidos dançando “poeeiraaaa…” da tia Ivete, o Michael estava lavando a louça e de repente “BOOM!” – não, não foi uma bomba:

M: Ihh.. quebrei a outra caneca.. Não deveria ter dançado essas músicas frenéticas!
A: Há! Agora sim a gente tem que ir para IKEA comprar louça nova!

Em geral, homens e mulheres tem prioridades diferentes em lista de compras. Por exemplo, o Michael raramente compra roupas, geralmente, ele usa aquelas que ganha de presente da mãe, do amigo secreto, da namorada, da tia que foi à Paris e não se esqueceu dele, e por aí vai. Na verdade ele não é nem um pouco consumista. Passou 3 meses mochilando pela Europa e não comprou coisa alguma, pode?! Nem um chaveirinho! Mas como um bom homem, o fraco dele está na cerveja e nos queijos, não é nem carros, mulheres (porque só existe eu! Uhul! Hahaha.. “Senta lá, né Anitão..”) e futebol.

Já eu, tenho a mão “arreganhada” mesmo. Eu sempre penso: “é só 1 real! Só 50 reais! Só 100 reais! Tá na promoção! O que eu posso levar??” Sou daquelas que vai ao supermercado comprar bananas, aí passa pelos frios, sucos, massas, docinhos, salgadinhos, esmaltes, compra tudo, chega em casa e “putzs! Esqueci de comprar bananas!”.

Podia até dizer que nos completamos nesse aspecto. Eu o incentivo a investir em algumas coisas, e ele me ajuda a segurar a minha grana. Quer dizer, estamos tentando, porque volta e meia eu apareço em casa com várias guloseimas do mercadinho.. heheh

Depois de muita insistência, hoje finalmente chegou o dia de ir à IKEA renovar nossa louça, tanto é que antes deu dizer “bom dia” ao acordar, eu disse “vamos à IKEA hoje!? :D” Hahaha.. Porém, antes de sair, tivemos uma conversa séria do que poderiamos comprar ou não (tá, não foi tão séria assim). Depois de muita argumentação, conquistei o direito de comprar 2 pratos, 2 canecas, um descascador de batatas que não custasse mais de 10RMB (aproximadamente R$3), e cabides, se não fossem muito caros.

(Ok, eu achei o prato “antes” mais fotogênico. Mas pessoalmente ele é horrível. Tipo algumas fotos de perfil de Facebook hahahah…) 

Sistema bruto, né? Hahah.. Gastamos 74RMB, ou R$23, para comprar todos os itens, e outros R$15 em duas porções das famosas almôndegas, 1 salada e 2 copos de refrigerante com refil infinito! 🙂

Ok, não que sejamos completamente sem grana, mas estamos tentando evitar gastos desnecessários, afinal, quando voltarmos para o Brasil, não vai dar pra levar todas essas coisas. Mas confesso que foi bem difícil me acostumar à redução de gastos – não que eu ache isso algo ruim.

Anitão vai tomar um chá na sua linda nova caneca! 🙂

Comments

comments

Related posts:

7 comentários em “A Odisséia da vida a dois – dia 64

    1. Hehehe.. que bom! Fico feliz que goste!
      Morar com o namorados tem seus altos e baixos, mas na maior parte do tempo dá para dar boas risadas. (Por enquanto! hahaha)
      Beijão!

  1. Oi Anita!
    É tão legal vc dividir com a gente seu dia a dia por aí. Fala de coisas boas, não tão boas, engraçadas e por aí vai… É bom pra muita gente saber que morar fora do nosso país não é só mar de rosas, mas que também pode ser muito divertido e engradecedor. Parabéns e boa sorte, sempre.

    Bjãooooooo

    1. Obrigada Rejane!
      Fico feliz de poder dividir coisas do meu dia a dia com vocês. São como aquelas “coisinhas da vida” que por pior que seja, a gente sempre acaba rindo depois. 🙂
      Um beijão e um ótimo fim de semana!

  2. Eu e meu namorado somos mais ou menos como você e o Michael… Eu gasto muito e compro muita besteira. Ele é mais centrado e só compra coisas maiores (no caso, video game e coisas de computador). Engraçado é que eu trabalho, ele só recebem pensão/mesada do pai… e o dinheiro dele rende bem mais que o meu!
    Agora, é impressão minha ou Shangai é MUITO mais barato que o Brasil?

    Leio o seu blog faz um tempo e gosto muito dele!

    1. Acho que no geral, mulheres gastam mais e com coisas misteriosas (o meu dinheiro sempre acaba no fim do mês e eu nem sei o que comprei.. hahah).

      Bom, eu acho que pra transporte (o ônibus é equivalente a R$0,60 ; o metrô varia de R$1 à R$2,50), comida e compras, é mais barato. Mas o aluguel é igualmente, ou até mais caro (mas se for considerar a infra-estrutura e a segurança da cidade, acaba saindo mais barato).

      Um beijão e um ótimo fim de semana!

  3. Oi Anita!
    Estou adorando acompanhar a “odisséia”…kkkkk… “homens e mulheres tem prioridades diferentes em lista de compras “… bem simples: para os homens compras simplesmente não são uma prioridade!!!!!!
    Viver com o namorado/marido/namorido tem mesmo seus altos e baixos… eu me casei há 1 ano, conheço meu marido há 3 anos e meio, e continuo descobrindo coisas na convivência que a intimidade traz! Ao mesmo tempo acho muito legal perceber que em cada dia ele também me conhece mais, me protege… ontem entramos no apartamento e tinha entrado um morcego, pense! Ele sempre entra antes no apê e loguinho me colocou pra fora pois eu detesto bichos com asas , bichos que pulam… Até ele expulsar o morcego não me deixou entrar em casa #amor!
    Bjos!

Deixe uma resposta