30 for 30 Remix: Conhecendo o Hooters chinês + dia 10, 11 e 12

Ni hao ni hao! Zen me yang queridos leitores?

Por aqui vai tudo alegre! Exato! No sentido de consciência alternativa da palavra. Acabo de comer um grande cheese and bacon burger e dois long Island iced tea do Hooters. A propósito, é a primeira vez que vou no Hooters. Que a princípio, eu conhecia como o lugar das garotas peitudas e micro shorts laranjas. No entanto, chegando lá, o que eu vejo?

“Ouvi dizer que aqui tinha peitos e bunda, cadê?” Via Asianweekly.

Exato. Como são conhecidas as orientais, e eu sou prova disso: nada de peito, nada de bunda, nada de “gingado”. Ou seja, sex appeal algum, ameaça alguma para se ir com o boy. E não sei quanto as nossas amigas corujas, mas eu não consigo me sentir um pingo sexy em um shorts laranja de “malha” marcando os meus pneus e a bunda que não tenho, ainda mais subindo de hora em hora nas cadeiras do bar para fazer coreografias BI-ZAR-RAS!

No meio de um gole e outro, eu e o Michael discutíamos o quão isso seria perigoso no Brasil (eu soube que o que tinha em SP fechou, tá certo isso, produção?): seria um baile funk chic do upper east side carioca? Hahah..

Enfim, estou completamente alegre, mas não poderia deixar meus queridos leitores mais um dia sem post. Então, aí vão mais 3 looks que fiz durante a tarde, antes de estar alegre:

E aos poucos vamos deixando nosso Remix atualizado… hehe. É isso!

O Michael não deixa a Anitão tirar a foto da legenda!! Será que ele também está “alegre?” (Desculpe a “legenda” em tamanho família..)

Comments

comments

Related posts:

4 comentários em “30 for 30 Remix: Conhecendo o Hooters chinês + dia 10, 11 e 12

  1. Fechou não, Anitão! Passo todo o dia em frente no caminho da academia (mundo injusto), o cheiro da comida é delicioso e no daqui, deixa eu contar, tem muito peito, muita bunda e muito executivo babando de um jeito constrangedor (a mesma reação de um primo meu de 14 anos quando viu a primeira playboy).

  2. de todas as breguices do “uniforme” do hooters, o que eu achei mais bizarro foi a meia-polaina, sério! eu adoro meia, e adoro polaina, mas ficou tudo meio sem sentido no conjunto, idk. nunca vi hooters em SP, mas segundo o google existe sim, e no site as mulheres são assustadoramente peitudas, parecem a pamela anderson, lol

    ah, eu queria ter comentado no post das criancinhas, mas fiquei doente e só consegui voltar a ler blogs com a devida atenção hoje, então vou perguntar/comentar aqui mesmo (perdoa ;;): meu namorado voltou da china com muitas fotos, e entre elas tinha de umas criancinhas com o bumbum de fora, haha (acho que foi em hong kong), e ele disse que viu muito disso lol (pensa no stalker tirando foto do bumbum das crianças #medo), ai fiquei meio em duvida se isso é normal everywhere por aí (falando como se a china fosse uma coisinha só ne?) ou se ele que coincidiu em ver muita gente com a mesma mania estranha D:

    1. Pois é! Na minha cabeça, todas as atendentes do Hooters eram verdadeiras Pamelas, mas pelo o que eu vi aqui em Shanghai nem são não.. elas andam com shortinho entroxado na bunda, mas é mais feio do que sexy, e elas se fazem de burrinhas e ficam agitando a galera pra tomar umas.. nada de mais.. hehe

      É bem verdade! Muitas crianças aqui na China usam essa calça com o furo, apesar de não ter visto muitos aqui em Shanghai. A desculpa é para não precisar usar fraldas. Aí se a criança tiver vontade é só ficar de cócoras em qualquer lugar e fazer (sim, é horrível isso!!). E eles tem o mesmo destrato que tem com as fezes dos cachorros – deixam em qualquer lugar, nas calçadas e etc.. Mas! Graças a Deus, esse costume não é muito comum aqui em Shanghai! hehe..

      Um beijão e boas melhoras para você! =*

Deixe uma resposta