O primeiro post a gente nunca esquece

Olá olá!

O primeiro post é completamente irrelevante para o blog (em questão de conteúdo), mas também o mais importante de todos, pois afinal, é o primeiro de uma série de posts, ou não. É como um primeiro encontro. Rola um nervosismo, uma leve insegurança, nos arrumamos aqui e alí, trocamos de roupa novamente, ou no caso, frases e parágrafos, e depois, saímos de casa com a primeira roupa que foi experimentada. Geralmente não diz coisa alguma sobre a outra pessoa e é completamente superficial. Um tanto confuso até, como vocês podem comprovar a seguir.

Bem, para quem não me conhece ainda, meu nome é Anita Joana e este é o início de mais uma nova fase de minha vida: o meu retorno ao Brasil. Passei meus últimos nove meses vagando por terras asiáticas, e postava em um outro blog, o Nullitos, sobre minhas desventuras chinesas, e no BarefootRobot sobre produtos de design. Mas falarei mais sobre mim em meu about, e no decorrer de meus posts, para não desviar o tema deste, que me é também um costume recorrente: criar parágrafos e parênteses desnecessários (como este).

E para todos os inícios, ou quase todos, há também um fim. E é exatamente desse fim que se trata uma parte deste blog: o meu desapego por objetos de minha vida passada. Como qualquer ser mortal e consumista, o resultado da minha gestação asiática foram 60kg de pura muamba, o que me levou a um antigo quarto entulhado de minha nova, e também, velha vida. Resolvi então que deveria reduzir meus pertences a uma vida compacta, e livrar-me do resto. Como já dizia Carrie Bradshaw sobre ex-namorados, “o lixo de uma, é o tesouro de outra”. Aproveito-me então para fazer um leilão para ver quem dá mais pelos meus antigos corações, prezando é claro, como uma designer ecologicamente correta, pela redução, reutilização e reciclagem (famosos 3Rs) de meus não mais tão queridos pertences, e também, zelando pelo seu destino.

Neste novo início de blog, também pretendo focar em: mim. Escreverei aqui sobre coisas randômicas da vida, como no antigo blog Joanitas (2007-09), e postarei outros projetos pessoais, como ilustrações, vídeos, fotografias, e anitices em geral.

Às vezes os primeiros encontros românticos da vida nos deixam com uma certa curiosidade de saber como será os próximos, às vezes nos fazem pular ridiculamente em estacionamentos na volta para casa e nos trazem meio sorrisos ao longo da semana, e às vezes, são simplesmente uma merda. Pois bem, espero que o primeiro post tenha lhe provocado aquela vontade de mandar uma mensagem fofa no dia seguinte, ou quem sabe um comentário alí em cima 🙂

Agora é só aguardar o próximo encontro.

 

Anitão é do tipo de garota que liga no dia seguinte e convida pro filme da Natalie Portman. E às vezes também é a cafajeste que some, sem mais nem menos. Agora ela vai dormir. (E o wordpress está cropando a minha foto!!)

 

 

 

Comments

comments

Related posts:

8 comentários em “O primeiro post a gente nunca esquece

  1. sempre morro de rir com os teus posts. com esse é claro q nao foi diferente “o lixo de uma é o tesoura de outra” ahhahaahhahahahaha falando em Carrie, pegu os DVD’s com a Nicó???
    =**

  2. Olahh!!
    Eh a primeira vez que comento aqui(descobri seu blog ontem!!!#carafeliz!).
    Parabensezzzz pelo seu blog e seu trabalho,mto bom mezzmu!!
    Ahh um pedido: serah que tem jeitchu de vc ilustrar minha prima ela tem um blog bem legausss tbm! http://www.naominray.wordpress.com, onegai shimasu!(nw disponibilizo de acentuacao grafica aqui nesse teclado….a lingua portuguesa que me perdoe…rs.)
    Um beijuuu aqui do Japan,
    Nana ou a mais nova fan.

    1. Oi Nana! Fico feliz em saber que tenho uma leitora do Japão!! 😀
      Adorei o estilo da tua prima! Podexá que a colocarei na minha listinha! 🙂
      Beijinhos!!

Deixe uma resposta